quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Na próxima vida quero ser...

Gato.
Na próxima vida quero ser gato.
Sim, dormir no calor do sol, dormir enrolado na roupa da minha dona, dormir à janela. Acordar, espreguiçar, receber miminhos, comer, espreguiçar novamente. Rebolar pelo chão enquanto me penteiam, receber beijinhos, dar uma corrida pela casa, subir pelos sofás tocar na parede, esconder-me entre os cortinados e entreter-me com os meus brinquedos, sim meus só meus. Abraçar as pernas da minha dona que passa e pega em  mim ao colo dando-me beijinhos. Fazer ronron e ir comer outra vez. Depois...mais uma soneca...desta vez na cama. Que vida maravilhosa, sentir que sou amado.

Sem comentários: