sábado, 18 de agosto de 2012

Saturday night

Tipico programa de sábado à noite: Saída para jantar.
Apetecia-me um arrozinho da marisco. S. Exa. fez-me a vontade. Reservou mesa no Marinheiro.
Vesti um little back dress, calcei sapato vermelho tacão agulha e coloquei algumas das joias que S. Exa. me ofereceu ao longo destes 6 anos.

Até ao restaurante não se trocou uma palavra. Já à mesa resolvi meter conversa
 - Como está a tua mãe?
- Está bem
- E o curativo, quando tem que fazer outra vez?
- Lá sei

Bem achei melhor concentrar-me na refeição já que na companhia não valia  a pena.
Saboreei uns camarões, uns mexilhões, paté de atum e presuntinho. Regado a Quinta do Carmo branco fresquinho. Como não tinha lanchado (por preguiça confesso) o vinho começou logo a fazer as suas... e devagarinho o candelabro começou a fazer uns efeitos visuais "bué de fixes" como diz a juventude. Relaxei e deixei-me levar por aquela suave ondulação visual.
Segui-se o arroz de marisco e a sobremesa foi maça assada.

Saímos pelo restaurante da maneira que ele gosta: de mão dada à sua princesa linda, atraente, esbelta e elegante. Por vezes sinto-me um adorno, objecto de exibição que ele usa para lhe fazer bem ao ego.

Para compensar, mal chego a casa a meu gato lindo, fofo e meigo vem ao meu encontro, pede muitos miminhos e fala comigo. Na lingua dele claro está - mianês- mas fala!

Sem comentários: