sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Não se pode dar confiança aos homens

Ontem à noite fiz para o jantar peixe-gato, mas ao contrário do costume não fritei.
Resolvi inventar. Deitei cebola, alho e tomate no fundo do tacho e passado uns minutos acrescentei uma cerveja e deixei os filetes e camarões cozerem nesse molho, deixei apurar e depois decidi ralar o molho para ficar espesso e ser entornado sobre o arroz branco. Devo dizer que estava uma delicia.
Sua Exa. o meu namorado quando viu o que estava  a fazer resolveu dizer que já tinha comido peixe ao almoço e que não jantava... comia uma sande de qualquer coisa porque não matou ninguém para andar a comer comida saudavel.
Ora eu só disse: "Meu amor, não queres comer não comes, o que sobrar eu como amanhã e tu voltas a comer sandes e salsichas!"
E assim, hoje é sexta e o ritual lá em casa de festejo de fim-de-semana é um assadinho, entradas, vinho, lareira e namoro... Mas como não comeu peixinho saúdavel não há nada para ninguém. Não se pode dar confiança.

2 comentários:

Pretty in Pink disse...

Ahaha assim é que é, põe-o na ordem =P

Beijinho*

Miú Segunda disse...

Meu Deus, que lata a do teu marido! Olha tu a pores-lhe a comidinha na mesa, ainda por cima deliciosa, e ele a fazer-se de caro! Acho é que mesmo assim tiveste MUITA paciência...
Bjnh