sábado, 19 de janeiro de 2013

Roupas de marca e afins

Não sou pessoa de ligar muito a marcas. Tenho uma ou outra peça mas que foram oferecidas, não gosto de gastar balurdios em algo só porque têm o simbolo X ou são da marca Y.

Se calhar é porque trabalhei numa loja de roupa, situada na equivalente à Rua de Santa Catarina no Porto, onde se vendia marcas como Armani, Façonnable, Gant, Mustang, Cerruti, entre outras. Lembro-me de recepcionar as peças e etiquetar. Tive por isso oportunidade para ver a margem de lucro da loja em cada peça. Por exemplo, umas calças de ganga Armani Jeans ficava a 9.5 contos (45 Eur) e eram vendidas a 20  contos (100Eur)...  Logo ali fiquei desiludida. Reconheço que estas marcas caras têm qualidade mas 100 eur por umas calças de ganga convinhamos que é um exagero. Tenho 2 calças de ganga Armani em casa (oferecidas), se me perguntarem se são muito diferentes de calças de ganga Mango eu sou obrigada a responder que não... não há assim tanta diferença que justifique o triplo do preço.

Prefiro gastar o dinheiro em coisas que me dão prazer, como viagens e jantares. Experiências e não bens materiais. Posso dizer que toda a minha casa está  mobilada com peças ikea, à excepção dos sofás. Sim, não é madeira maciça, mas serve o propósito a que se destina. A cama ainda não partiu, as mesas e cadeiras continuam no sitio. A roupa continua bem guardadinha nas cómodas. Poupei muito dinheiro que pude gastar mais tarde noutras coisas.

Não faço intenções de vestir o meu filho/filha com roupas caras, tipo chicco, knot, nada disso!
Deitar dinheiro pela janela fora não é comigo!

2 comentários:

S* disse...

Trabalhei numa loja de roupa italiana durante o mestrado. A peça mais barata custava 70 ou 80 euros e era uma tshirt branca básica. Calças de ganga custavam 150 euros... e a minha farda - um fato preto - custava 500 euros. A qualidade era uma merda, os acabamentos uma merda, e aquelas calças faziam-me sentir porca, parecia que cheirava mal. Tecido de porcaria, portanto. Quando até a roupa italiana cara é uma porcaria, desisto. Adoro a minha H&M.

Katie disse...

Também não sou nada dada a marcas, acho um exagero e como tu dizes prefiro aproveitar o dinheiro e quando pode ser gastá-lo noutras coisas!
:-))