domingo, 31 de março de 2013

Parece que educar dá trabalho...ou nem por isso

A minha Páscoa foi dividida em fases:

A fase pré chegada do sobrinho - Paz e harmonia com humor e diversão, boa comida e bebida.


A fase de presença do sobrinho - Terror... o meu pai ausenta-se da sala para não se incomodar. O miúdo (de 5 anos) destroi o brinquedo, pisa os sapatos da irmã, bebe o sumo todo dela sem ter vontade e só o faz parta arreliar, atira com os brinquedos ao meu tio, re-pe-ti-da-men-te, chora porque vê a irmã a receber o folar e também quer (depois de já ter recebido o dele de manhã na casa dos padrinhos),  dá murros nos testículos do meu tio, por duas vezes, não deixa ninguém tirar fotografias porque mete-se à frente. Os respectivos pais estão sentados no sofá, ela lê a revista e ele diz  incessantemente "pára", sem surgir qualquer efeito.


A fase pós partida do sobrinho - O meu pai retorna ao convívio familiar e está traumatizado, a minha mãe critica o comportamento da criança e eu só penso "encho o meu filho de porrada se algum dia se comportar assim..."

Admiro

Admiro as grávidas que trabalham até ao final/quase final da gravidez.
Eu não ando, eu arrasto os pés... não tenho posição para estar sentada, deitada, a pé... dá-me cada fisgada nas costas que mais parece a ciática... urino de 2 em 2 horas e como de 3 em 3, seja de dia ou de noite...não estou com paciência para nada apesar da vontade de andar na rua a exibir a barriga seja muita...subo escadas e parece que corri uma maratona...

Eu devo ser muito fraquinha porque realmente não sei como é que elas aguentam trabalhar...por outro lado... se elas estão aptas a fazer amor também estão aptas a laborar! Sim porque se eu não posso fazer sexo também não posso ir trabalhar...saio de lá phodidinha da vida...e não posso...o médico não deixa...eu não tenho culpa...

sábado, 30 de março de 2013

lol

KKKKKKKKKKKK

Visite o nosso site:
www.mijarderir.com

A páscoa no norte

Aqui no norte há a tradição de se trabalhar na sexta-feira santa e folgar na segunda. Sim, a religião é respeitadissima por aqui, preferimos picar ponto em dia santo e ir para a zona na segunda... fazer um picnicão em família. É costume o povo ir acampar ainda no domingo para garantir lugar xpto na bouça, onde caiba os carros, o assador para as bifanas e pito, o campo de futebol improvisado, a area da sesta e um belo montinho afastado onde se vai cagar e mijar à vontade e com privacidade... este ano parece que a coisa não vai correr tão bem, o S. Pedro está zangado... Se calhar ainda se consegue jogar pólo aquático ou rugby...o que interessa é o povo de divertir porque tristezas não pagam dividas!

Não pode faltar o pão de ló, cabrito e ovos cozidos.

Enquanto se espera pelo compasso joga-se à péla, ao banquinho e à malha...que se calhar este ano teremos que susbtituir por kitesurf...

Ainda sou do tempo

Em que só se estreava roupa nova na Páscoa e no Natal.

quinta-feira, 28 de março de 2013

Parece que é suposto dizer quantos kgs engordei

E então cá vai... mas nada de invejas sim?

Antes de engravidar pesava 56 kgs...até aos 4 meses engordei 1.5 kgs... agora com 6 meses peso 62 kgs, ou seja, até à semana 25 engordei 6 kilitos no total...

Não, não me preocupa o MEU peso, preocupa-me o peso do MEU FILHO...e esse está na média.

E para que conste: sou a grávida mais bonita do mundo... e quiça da Europa! (como diria o outro)



Anda o povo a pagar para isto

Acabei de ver Maria Guadalupe no programa do Goucha.
E perguntam: mas quem é Maria Guadalupe? Na prática ninguém importante mas como têm que encher o programa...chamaram-na. A velhota já deve ter 70 anos e levou fotos com os famosos com quem "conviveu" quando era relações públicas do Ritz. No rodapé da tv diz que é a cronista social mais antiga do país.

Uma das fotos era com Mário Soares e dizia ela que ia a TODAS as viagens com o Dr. Mário Soares, TODAS... excepto uma...quando lhe disseram que cada um ia pagar o seu quarto... Sim, enquanto era de graça ela intregava a comivita, sim qundo o povo, os cidadãos, os contribuintes pagavam para ela ir passear ia com todo o gosto, quando teve que pagar do bolsinho dela, deixou de achar piada à coisa...

Agora já temos uma ideia do que as comitivas levam...centenas de mandriões que vão passear, dormir e comer de graça...de graça não...à custa do povo!

Tristeza!

Coisa de homens

Sábado é dia de cuidarmos da nossa individualidade.
Há 6 anos e meio que assim é. Não marcamos nada para fazer em conjunto durante o dia e à noite vamos sempre jantar fora os dois. Cada um passa o dia como lhe apetece. E vou ao shopping, fico em casa a namorar o sofã , arrumo... o que a disposição quiser. Já ele dorme até ao meio dia, sai para almoçar com os amigos e passa a tarde com eles no café/esplanada, lááá na terrinha onde ele nasceu e mora a mãe, a falar de "trenguices (segundo ele).

Na sexta passada pergunta-me se eu queria ir almoçar com ele no sábado. No sábado! Hum..Estranhei a pergunta, respondi que não e pensei que estaria só a ser simpático por eu estar grávida e assim ganhava uns pontos a favor dele.
Nessa noite fomos jantar com a mãe e irmã ("piquei o ponto" mensal) e fiquei a saber que ele tinha levado a mãe a almoçar fora porque ela estava com desejos de papas de sarrabulho (eu é que estou grávida e ela é que tem desejos) e então fez-se o clic, caiu-me a ficha como dizem os brasileiros.

Afinal a intenção dele era eu almoçar com eles para aturar a mãezinha!

Sabem-na toda!

quarta-feira, 27 de março de 2013

E o zé voltou

Pelo menos vai dar para rir!

O problema das amêndoas

é que não se consegue comer uma só.

Eu juro que não tem photoshop



Foto: A sodona Deolinda gosta de um tapinha bem dado. Hoje, às 23h, tudo sobre o Salão Erótico Erosporto e tudo sobre o novo álbum dos Deolinda "Mundo Pequenino".
Foto: João Cunha - O maior humorista de sempre. Na Costeleta de Adão, hoje às 23h no CanalQ

Foto: Acabamos de entrevistar o Tony Carreira! Parece um sonho!


Estas fotos pertencem ao programa Costeleta de Adão do Canal Q...
Eu pergunto: como é que há povo tão feio mas tão feio e consegue chegar a apresentadora de tv? Tem que ser dona do canal, só pode. Vejam o programa porque as fotos estão mesmo muito favoráveis!!!

Cada um é como é mas quando eu ligo a tv e dou com esta cara até me assusto! Devia haver mais respeito pelos telespectadores...Já não basta o Fernando Mendes...

Coisa de homens

O meu namorado vai visitar a mãe 3 vezes por semana, faz 40 kms de cada vez, das quais 2 faz lá refeição.

No outro dia estive com ela que me perguntou: Então está tudo bem, blá, blá blá?

- Sim, está tudo. Finalmente consegui engordar. Foi preciso estar de baixa para ganhar 3 quilinhos em 3 semanitas!

- Ah está de baixa? Porquê? Eu não sabia!!!

- Eu não sei o que o seu filho vem cá fazer 3 vezes por semana...


terça-feira, 26 de março de 2013

Será que ainda vou a tempo

Estou seriamente a pensar mudar de carreira... 6 aninhos a espiar e passo a tecnica superior do estado.
Afinal este país está cheio de oportunidades... para alguns claro!

Já avisei

que não quero que ofereçam medalhinhas, pulseirinhas nem cordõezinhos de ouro ao meu filho, pelo batizado.
Aviso já que a criança não vai usar, nem de bebé nem de criança... mas se insistirem e comprarem vai  ser derretido ou vendido a peso para trocar por uma playstation quando ele fizer 6 anos.
Depois não digam que não avisei! Vocês são minhas testemunhas.

Pergunta de mulher

Mas os homens não sabem mijar sem meter a mão nos azulejos?

Really???

A paula Bobone a comentar a roupa das outras?
Mas ela tem espelho em casa?



Done

Fui repetir o teste da glicemia.
Hoje correu melhor, resolvi apanhar ar fresco de vez em quando e já não enjoei tanto. Aliás, pouco enjoei e como ar frio e chuva não falta neste inicio de primavera... só espero não ficar constipada...

Deste já me safei!

segunda-feira, 25 de março de 2013

Tolerância de ponto???

Alguém sabe se quinta feira há tolerância de ponto para os funcionários público?

É que é o primeiro dia do curso de puericultura aqui no hospital local e tenho receio de chegar lá e ser adiado... não queria nada sair de casa em vão, dado que devo sair o mínimo possível.

Alguém me sabe explicar

Porque é que não consigo entrar em alguns blogs... só aparece a opção enviar mensagem e não tem link para o blog...
Queria visitar alguns seguidores mas não consigo... ou então sou muito azelha... mas se entro nuns porque não entro noutros :S

Ainda bem

que não estou ao serviço.
Com o que está a acontecer no Chipre aquilo ao balcão deve estar bonito deve... Estou mesmo a imaginar o povo a querer levantar o dinheiro para colocar debaixo do colchão...

Mãe é mãe... sogra é??? # 2

A minha cunhada, que vive com mãe, fez anos esta semana.
Convidou-nos para jantar no sábado. Apesar da vontade não ser muita lá fui...aproveitei para "picar o ponto" de caracter mensal...

Como é costume a minha sogra perguntou se estava tudo bem e se eu já tinha comprado muita coisa... oh tema que ela puxou... ao que me controlei e respondi somente:

 - Sim já comprei tudo, faltam só umas pequenas coisinhas. Para o mês que vem tratamos do quartinho do bebé que é a minha mãe que oferece.
- Hã mas tens que deixar algo para as pessoas oferecerem depois do parto...disse a minha cunhada.

Resposta:

- Quando a criança nascer eu tenho que ter as coisas em casa, não posso estar à espera de prendas.

Mas será que estou errada? Será que tenho que esperar o ovo no cú da galinha? Será que tenho que advinhar o que o povo quer oferecer? Para mim quem tem gosto oferece antes, para a mãe já estar prevenida, ou vou andar a ligar da maternidade a pedir coisas?

Obs.: A minha sogra e a minha cunhada ainda não ofereceram nada ao único neto e sobrinho...em contrapartida tive de proibir a minha irmã, desempregada, de comprar mais coisinhas para o bebé! 8 ou 80!



É que só me faltava esta

Não obstante uma gaja andar com o coração nas mãos a ver quando a criança nasce antes do tempo, ainda tenho que ir a junta médica!
Qual a parte de GRAVIDEZ DE RISCO que eles não percebem?

Já me disseram que como a primeira baixa foi normal ainda não deu tempo para eles processarem a segunda como gravidez de risco... Sim, da maneira como este país é organizado, mais ainda os serviços públicos, prevejo que quando a criança faça um ano de vida eles actualizem finalmente o sistema para gravidez de risco...

Ainda não decidi se vou lá meter os pés...

Ainda sobre os casamentos/uniões

Aqui há uns dias escrevi isto sobre casamentos/uniões e a relação directa entre sexo e tarefas domésticas.

Muitos homens defendem que como têm pouco sexo em casa, arranjam por fora e estão desculpados ...coitadinhos!!!

O que eles não sabem é que enquanto tratam as mulheres/companheiras como criadas para todo o serviço há outros, fora de casa, que as tratam com delicadeza, dando-lhes aquilo que elas não têm em casa como atenção, apoio, são ouvidas, interessam-se pelo que elas pensam... enfim, a canção do bandido como todos sabemos. Acontece que esta canção entra a 10 e sai a 50.000 em mulheres que são estimadas em casa, depois há as outras, aquelas que têm déficit de atenção, falam prás paredes porque os maridos não ligam nenhuma, sentem-se criadas... e então aparece aquele fulano ali ao lado a mostrar interesse, a demonstrar que afinal não temos só defeitos (sim porque depois de casar nós mulheres só temos defeitos, somos umas chatas etc e tal) também temos qualidades... e malta começa a gostar da companhia e depois... umas caem fisicamente na canção do bandido outras só caem emocionalmente.

Básicamente é isto: o homem procura fora o que não tem em casa e a mulher encontra a atenção desejada.
Não há santas nem culpados absolutos!
Uma coisa é certa, mulher realizada leva o marido ao céu, sexualmente falando, para não haver dúvidas!



domingo, 24 de março de 2013

Fome-1 1-Vomito

Não bastou a fome que eu passei, ainda tive que levar com enjoo tal que me fez vomitar o liquido antes de terminar o exame.
Resultado:Terei que repetir!
Pergunta: Não é lógico que vou vomitar novamente?
Eu bem que avisei que era preferivel uma sangriazinha de espumante.

sexta-feira, 22 de março de 2013

Da traição

Como corro o risco de morrer de fome venho só esclarecer uma coisinha, na sequência de mais um post no shiuuu. A autora, casada há 25 anos, diz que vasculhou o telemóvel do marido e descobriu que ele anda novamente com a amante e não sabe o que há-de fazer até porque tem um filho e blá blá blá...
Isto para mim é muito simples:

Quem procura encontra!

Ou estamos preparados para aguentar as consequências da descoberta ou então é melhor não saber de nada e viver na ignorância. (sim, a ignorância por vezes é uma benção)

Vejamos:

Para que queremos saber se somos traidos se depois não conseguimos viver sem essa pessoa, vamos perdoá-la e assim dar-lhe carta branca para continuar a trair? Sim porque a historinha que nunca mais vai acontecer é treta, toda a gente sabe disso! É para nos fazermos de vitima? Sim porque descobrir uma traição e continuar a relação para mim é impensável, pelo que prefiro nem saber, logo não procuro!

Se não estamos preparados para o fim da relação, pelos mais variados motivos, seja financeiros, seja familiares, seja por amor, então porque queremos descobrir a traição? Para esfregar na cara do outro? Serve para quê? Para ele ter a certeza que pode continuar a fazê-lo!!!

Eu não procuro, tenho medo de encontrar e depois que vou fazer? Nã nã, eu prefiro nem saber!

Se não aparecer mais por aqui...

é porque morri de fome!

Amanhã vou fazer análises ao sangue. Tenho que estar de jejum, depois beber um copo não sei de quê, esperar uma hora e retirar novamente sangue, voltar a beber e esperar mais uma hora.
Ora aqui come-se às 2 da manhã, às 7hrs e às 10hrs... Como vou estar tantas horas de jejum?
Ao menos que o copo tenha uma sangriazinha de espumante

O dinheiro move montanhas e desertos

A fifa quer que o mundial de futebol de 2022 se realize no Qatar e em pleno verão...
Cá para mim vai haver muito frango no churrasco...

curiosidade: sabiam que lá existe uma lei que diz que quando a temperatura atinge os 50 graus os funcionarios estão dispensados do serviço?! ah pois é!!!

O meu segredo shiuuu

Cá para nós que ninguém nos ouve...

A minha relação actual é estável.
Estável demais...sinto falta de uma discussão de vez em quando... sinto falta do sexo arrebatador aquando das pazes!

É que isto de a gente se entender em quase tudo e no que discordamos sermos compreensivos e zelarmos pela harmonia, às vezes é um bocado...rotineiro, sei lá...

Isto se calhar já são efeitos da abstinência sexual forçada...








É só para quem pode

Adelle pede 2 milhões para cantar em casamento...
Estou a ver que tenho que me contentar com o zé cabra para o baptizado do miudo... e em cd.

quinta-feira, 21 de março de 2013

Conversa imaginária no consultório médico

Dr.: Como está com contracções tem que repousar e nada de sexo!

Eu: Então passe lá a baixa porque se eu não posso sexar com o meu namorado também não me podem phoder no trabalho.



Esta juventude está perdida

Os meus dias são passados entre cama, tv e internet... uma excitação pois claro...

Foi agora mesmo ao Goucha da tvi uma jovem de 20 anos (oh ninguém tem 20 anos) que se apaixonou muito cedo (como se fosse a única) e claro, como é moda fazer sexo e responsável que é engravidou...
Então a certa altura o Goucha pergunta-lhe:

-És feliz?
- Não porque tenho estrias! - responde

Note-se que ela não disse que era infeliz porque estava desempregada e não tinha como sustentar o filho (verdade assumida no programa)...ela é infeliz porque tem estrias e não tem dinheiro para pagar o tratamento.
É impressão minha ou esta juventude (generalizando e sendo injusta com alguma minoria) tem os valores trocados? Vivem para a aparência não se focando no essencial?
Não condeno quem recorre a estes tratamentos e cirurgias para tratar da aparência, pois se eu mesma tenho próteses mamárias!!! A questão está nas prioridades! O importante para aquela miúda não era que não tinha como sustentar o filho, era que não se sentia bem com as estrias na barriga. Ora eu fiz a minha cirurgia depois de comprar casa, depois de a mobilar e porque tinha dinheiro para ela, caso contrário não me ia endividar nem pedir emprestado nem tão pouco ir para a tv, só para ficar mais bonita.
A infelicidade dela não advém de algum problema visível a olho nú, tipo uma deformação física, ou a cara queimada ou coisa que o valha, não, ela é infeliz porque tem estrias na barriga, sim porque TODA a gente vê a sua barriga.

Só me resta dizer...esta juventude está perdida!!!


Marinheira de primeira viagem...Até fico baralhada

Maçarica no que respeita a maternidade e criancinhas resolvi ler o livro do Dr. Mário Cordeiro - O primeiro ano de vida do bebé, depois faço autênticos interrogatórios às minhas amigas mães... e fico baralhada, muito baralhada pela quntidade de informação e pelas diferentes teorias em relação a certo assunto.

Por exemplo: diz o livro que não há necessidade de ferver a água para o leite do bebé porque a água engarrafada serve perfeitamente. Consulto as minhas amigas e elas quase me matam...nem pensar, tens que ferver sempre a água, mesmo engarrafada!!!

Depois um grupo defende que o banho do bebé deve ser dado no quarto para a criança não apanhar frio...vem outro grupo e diz que não é preciso, posso fazer como elas, dar banho na wc e depois embrulhar a criança na toalha e levá-la então para o quarto para a vestir...

Uns dizem que a criança deve ir logo para o quartinho dela, outros que pode ficar na cama dos pais até aos 4 anos...

Para umas amamentar é lindo e a melhor coisa do mundo, para outras é dramático...

E eu perco-me no meio de tanta opinião...


quarta-feira, 20 de março de 2013

Exemplos a não seguir

Coisas que não entendo

Eu sei que o meu cérebro está a oxigenar menos devido à gravidez mas a ver se eu percebi:

Um funcionário do sector privado é despedido por mútuo acordo e recebe 20 dias por cada ano de trabalho, a titulo indemnizatório.
Um funcionário público é despedido por mútuo acordo e recebe 45 dias por cada ano de trabalho a titulo indemnizatório.

Ora 45 é mais do dobro de 20... e estão-se a manifestar porque?...(lenta ando muito lenta não consigo perceber...)

Fui enganada

No meu tempo ensinavam na escola que a primavera nascia a 21 de março, agora parece que é hoje, dia 20!
Acho que vou precisar de terapia para ultrapassar este desgosto... este e o facto de estar há 5 minutos a ouvir a julia pinheiro a guinchar na tv... anos de terapia!

Mãe é mãe!...sogra é...???

Ora sendo eu uma gaja que passou 34 anos da sua vida a negar filhos... um dia acordo e zaz caiu-me a ficha. Eu quero um filho! Após meses de negação interior, o instinto maternal que sempre me faltara começava a aparecer, devagarinho devagarinho...
Agora grávida de 6 meses estou envolta em hormonas que me fazem chorar por tudo e por nada, sinto-me a grávida mais bonita do mundo (e sou!!!) e sou apaparicada a toda a hora.
Recebo lembranças de familiares directos, de familiares afastados, de amigas, de conhecidas, da minha estagiária coitadinha, de amigas da minha mãe que eu nem sequer conheço e até do homemsemblogue.

E então vocês perguntam: e o que é que a tua "sogra" te deu? ( ah e  a cunhada também)
Resposta: Nada! Nadinha! O único neto e nada, nadinha, nem pelo facto do filho lhe pagar a renda, a empregada de limpeza, a manicure, o cabeleireiro, as próteses dentárias, mais o resto que eu não sei... ( e a reforma dela ser de 700 eur)
Se calhar está à espera que o filho lhe deposite dinheiro na conta para ela poder ir às lojas de marca comprar algo. Eu preferia que ela tivesse ido à feira e comprado um babygrowzito a 10 eur porque afinal o que conta é a intenção...Pelos vistos, intenção não é nenhuma!
Também sei que o filho é meu e não tem obrigação de lhe dar nada, mas também não acho normal não ter comprado nem uma babetezinha! nem uma chupeta!, nem uns carapins! Nada.

Se daqui a algum tempo ela perguntar se eu preciso de alguma coisa para o bebé a resposta é imediata:
- Não, a minha família e as minhas amigas já me ofereceram tudo ( e é verdade!)


Assim já tenho:

quase quase toda a roupinha até aos 3 meses;
a primeira roupinha do bebé, oferecida pela minha melhor amiga, que também ofereceu os produtos da uriage e um pijaminha;
uma caixinha de musica para embalar o bebé;
o saco da maternidade, os acessorios do banho do bebé, tipo termómetro, escova, esponja, etc da chicco oferecido pelas minhas amigas do trabalho;
emprestaram-me a banheira, o aquecedor de biberons e a roupinha do batizado
falta ir buscar o quarto do bebé que já está escolhido, assim como o papel de parede, que é tudo oferta da minha mãe;
fraldas, muitas fraldas que comprei com 50% de desconto em cartão;
um brinquedo oferecido pela estagiária.


Falta-me:
biberons e esterelizador
intercomunicador (mas um passarinho contou-me que outro grupo de amigas me vai  oferecer)
mais trilhentas coisas que ainda não tomei consciência da sua existência...

terça-feira, 19 de março de 2013

Eu não diria melhor

"Os pais amam sem limites mas limitam por amor."

Dizem que é dia do pai

Tive um pai presente fisicamente cujo papel era reprimir e aterrorizar. Não directamente as filhas, mas indirectamente pela maneira como tratava a minha mãe com agressividade física e verbal.
Mal ele entrava em casa imperava o silêncio pois de qualquer coisa surgia a discussão... Eu contava os minutos para ele sair novamente pela porta fora.
Nunca me bateu mas deixou marcas de infância que ainda tento apagar. Foi ausente, negligente e até hoje representa tudo aquilo que NÃO quero para mim como marido nem como pai dos meus filhos. Tendo a vida dos meus pais como exemplo desde miúda que sei muito bem o que NÃO quero para mim. Isso fez com que o meu principal objectivo de vida fosse ser independente financeiramente para não ter que aguentar o que a minha mãe aguentou. Assumo que esse objectivo bem definido me fez crescer forte e determinada. Como o meu objectivo foi concretizado devo-lhe agradecer ter participado desta forma no meu desenvolvimento.

Cresci e ganhei o seu respeito.  Agora aos meus 35 anos está presente como um pai "normal" apesar de pouco falador. Os amigos dele dizem-me que tem muito orgulho em mim.

Apesar da infância de medo que me proporcionou tento compreender que se calhar ele não o fez por mal...se calhar não sabia ser de outra maneira... neste dia do pai escrevo mas não digo:

Amo-te pai!



Caso de saúde pública

Curiosidade:

Aqui há uns meses o remédio para a bipolaridade (que regula os picos de humor - euforia/depressão) era comparticipado a 100%.

Depois a comparticipação baixou e o utente passou a pagar 6 eur/mês.

Actualmente o utente paga 20 eur/mês pelo medicamento.

Tendo em conta as dificuldades financeiras por que passam muitas familias e atendendo que os doentes bipolares não medicados colocam em risco a sua vida mas também a de quem os rodeia, na medida a que não se controlam nem reconhecem limites, sabem o que pode acontecer não sabem?

Be afraid, be very afraid.


Obs.: Não estou de forma alguma a gozar com quem padece desta triste sina. Infelizmente tenho familiares directos que sofrem desta doença por isso sei do que falo. Só tentei aligeirar o tema.

segunda-feira, 18 de março de 2013

Voltando ao mesmo - comentando o comentário

No outro dia li um segredo do shiuuu em que a autora dizia que a relação entre ela e o marido não era baseada em sexo mas sim em cumplicidade e carinho, pelo que passavam meses sem ter sexo e em nada atrapalhava a sua relação.
Desde logo surgiram comentários aos mil cada um com a sua opinião e teoria... a certa altura um comentário dizia isto:

Com que então a malta vai para um relacionamento monogâmico para ter MENOS sexo do que quando está solteiro? Laughable...

Ora este comentário é de um homem, claro está!
Ora sobre este magnifico comentário tenho a dizer o seguinte.

Se os homens pensam que casam/juntam-se para ter sexo com mais frequência estão REDONDAMENTE enganados. Se calhar é esta a razão de tantos divórcios, eles pensam que vão ter uma mãezinha em casa que lhes faz a papinha toda e AINDA tem sexo com eles. Sim, porque se a querida mãezinha fizesse sexo com os filhinhos eles nunca na vida sairiam de casa.
O que eles procuram numa esposa/companheira é uma substituta da mãe que lhes continue a lavar a roupa, passá-la a ferro, arrumá-la no sitio, ter  a casa arrumada e as refeições na mesa, as cervejas no frigorífico, a cama lavada, a despensa cheia sem ter trabalho, etc e tal... com a vantagem de poderem ter sexo quando lhes apetecer. Para isso acham que basta meter a mesa e colocar o lixo lá fora e as pernas abrem-se. Pois é exactamente ao contrário. Quando mais trabalho derem menos sexo vão ter!

Já as mulheres quando se casam/juntam pensam que vão viver uma linda e romântica história de amor onde tudo é perfeito, vão poder dormir abraçadinhas a eles todas as noites e ter com quem conversar. Passado uns meses descobrem que eles ressonam como porcos, não ligam nenhum ao que estamos a dizer, só pensam em estar sentados no sofá a ver tv ou jogar playsation, e ainda por cima fazem de nós criadas para todo o serviço, vai dai o romantismo foi-se e nós só queremos é chegar a casa e descansar.

Claro que podem dizer ah e tal então se o sexo diminui é por isso que eles arranjam amantes...podem dizer isso sim senhor... mas isso é assunto para mais um post daqui a uns dias...até porque não são só eles que arranjam fora o que não têm dentro de casa...

Quanto ao segredo do shiuuu tenho a dizer o seguinte:

Há um factor importante ao qual não termos acesso: a idade do casal, ou acham que o apetite sexual é o mesmo aos 20, 40, 60?
Se são felizes, parabéns.

Não querendo ferir suscetibilidades

Não, não acho normal uma futura mãe não se emocionar da primeira vez que ouve o coração do seu bebé a bater...
É o som da vida que geramos, para mim foi especial.

Quem se sente assim?

Foto

Será só por ser segunda-feira?

domingo, 17 de março de 2013

O prometido é devido

Cá segue a prova provada que o homem é de palavra:P

Aqui está o CD do Ricardo Oliveira e o presente surpresa que o homemsemblogue sorteou e eu fui a feliz contemplada.




Devo dizer que o CD fez-me recuar anos e anos nesta minha memória, aos tempos em que ouvia tais canções ainda na tv a preto e branco. Recordei os tempos de criança pura e inocente, com vontade de crescer para encontrar logo o futuro... tanta pressa que temos para crescer... confesso que me emocionei ao relembrar certas músicas (pronto já sei que são as hormonas!!!)  foram lágrimas de saudade de um tempo em que nem tudo era fácil (não posso classificar a minha infância de feliz) mas havia esperança... e eu sei que nestes anos que se passaram fiz tudo ao meu alcance para evitar um fututo idêntico ao passado...Neste preciso momento estou convicta que consegui e uma nova etapa aguarda-me. Sei que daqui a uns anos quando relembrar novamente estas musicas me irei transportar, também, a este tempo em que me encho novamente de esperança num futuro misterioso mas, certamente, muito feliz que será a transformação de uma mulher em mãe, com os receios próprios da responsabilidade que ai vem.

O meu presente foi um livro infantil para o meu Eduardo "As aventuras do Juba". Sendo certo que não faço intenções de incutir o "sportinguismo" ao meu filho, irei com certeza mostrar-lhe o livro e as imagens mas a história será adaptada e nada terá a ver com futebol! Já basta ter que gramar com o "benfiquismo"do pai da criança!

Agradeço, homemsemblogue, o envio dos prémios!

sábado, 16 de março de 2013

Se é para comparar, comecemos por aqui

Foto

Pura inveja

Visitei rapidamente alguns blogs, digamos 4 ou 5...
Dois deles falam em pedidos de casamento.
Não deixei de sentir um apertozinho no coração...e sentir inveja... não daquela má mas do tipo "porque é que ele não quer casar comigo?  O que é que as outras têm que eu não tenho?"

Prontuuusss foi o meu momento de melancolia, deve ser das hormonas!

Aos noivos desejo felicidades!

sexta-feira, 15 de março de 2013

Comentário e post 2 em 1

Em resposta ao homemsemblogue no que respeita a este assunto:

quem está mais disponível para o sexo? eles ou elas?

tenho a dizer o seguinte:


Ora bem, se a vida de uma mulher fosse só chegar a casa, descontrair e relaxar, óbvio que haveria disponibilidade para sexo, afinal quem não gosta? Sexo é bom!

O problema é que a mega maioria das mulheres não tem empregada todos os dias (ai isso é que era bom) e chega a casa do trabalho e não se pode dar ao luxo de relaxar porque tem que apanhar a roupa que colocou a secar antes de ir trabalhar, tem que fazer a cama, preparar o jantar, fazer a lista de compras, pensar no que vai cozinhar no dia seguinte, marcar esteticista, sacudir os tapetes, levar o lixo lá fora, tirar a loiça da máquina, reforçar o papel higiénico da wc, limpar o pó, dar banho aos miúdos, passar a ferro, aspirar, mudar as toalhas de banho, cuidar da areia do gato, arrumar as compras, ligar à amiga que faz anos, etc e tal. Como é que se vai ter disposição para pensar em sexo? Quando chega à cama aterra de cansaço!

Eu proponho que os homens façam um exercício:inverter os papeis com a mulher que têm em casa. Sim, elas vão trabalhar, depois vão beber uma cerveja com os amigos e quando chegam a casa jantam e ficam disponíveis para sexar toda a noite. Enquanto isto eles vão trabalhar, depois vão ao supermercado, passam pelo infantário, chegam a casa e começam a tratar daquelas tarefas todas, e ainda mais algumas, acima descritas. Quando se deitarem na cama, vejam lá se têm vontade de fazer amor? Cá para mim nem tiveram tempo para pensar nisso e agora querem mesmo é descansar! Mas não façam isto só um dia!Não, um dia só era muito fácil!!! Façam durante meses e meses, anos e décadas também!

A sociedade não é justa para com a mulher actual. Temos que ser perfeitas em tudo, trabalhar fora e chegar a casa e continuar a trabalhar e ter tempo para agradar o marido.

Meus senhores aqui vai um conselho: que tal deixarem de  "ajudar" as vossas mulheres em casa e passarem a dividir honestamente as tarefa domésticas? Uma coisa vos garanto: a disponibilidade delas para sexo vai aumentar, ai se vai!

Alguém se lembra disto?


Glutões do presto!




Que desilusão quando abríamos o pacote e não encontrávamos os glutões, nem dentro de água eles apareciam... fogo, enganar assim as criancinhas! O que vale é que não ficamos traumatizados com isso nem precisamos fazer terapia...(pelo menos alguns de nós)

Skype

Mandei por telemóvel a seguinte mensagem:

"Falei com a A. pelo skype, vai para a Alemanha no fim do mês..."

Resposta: "Mas isso não é um tira nodoas?"


quinta-feira, 14 de março de 2013

Qual masterchef? Eu na cozinha sou imbativel # 2

Ontem resolvi fazer outro bolo...a mesma receita da semana passada mas desta vez assegurei que o mesmo ficava cozido e ficou!!! Tão cozindo que quase queimava, mas não queimou, ficou assim em modo bronzeado.

Pus-me na conversa com uma amiga no skipe e esqueci-me de o desenformar...resultado: ficou colado à forma...ai  a minha vida!!! Mas o problema ficou logo resolvido: nada como comer directamente da forma...e está uma delicia! mnham mnham


O que fazer quando o ATM engole o nosso querido cartão

Ponto n.º1 : Do not panic :))

Os atm´s retêm os cartões pelas mais variadíssimas razões. Pela minha experiência, a maioria das vezes trata-se de uma falha de energia que faz com que máquina engula o cartão para se alimentar...  :)) ou seja, a máquina pifa momentaneamente e o cartão que estiver a ser usado naquele momento entra mas não sai;

Outro motivo frequente é o esquecimento do código PIN. A cabeça da malta já não é o que era, o povo mistura os códigos todos e no momento da transacção puf, não se lembram do código e POR MOTIVOS DE SEGURANÇA a máquina retém o mesmo. Aqui colocam-se 2 questões: se o cartão em causa pertence ao banco detentor do atm, ou se não. Porquê? Simples, se for da mesma instituição o funcionário vai ao sistema ver a mensagem de erro e compara com a listagem do atm e identificando o cliente pode fazer a entrega de imediato. Mas se for de outra instituição precisa de uma carta ou fax do banco que emitiu o cartão a autorizar a entrega. Neste caso aconselho a que tratem logo disso porque os cartões retidos nos atm´s ficam pouquíssimos dias na agência em questão.

Muitas vezes a culpa é exclusiva do utilizador do cartão. Distrai-se e não repara que a máquina, depois de efectuar a operação, ejectou o cartão... e se este não for recolhido dentro de alguns segundos a máquina POR MOTIVOS DE SEGURANÇA retém o cartão.


Noutros casos o titular do cartão dá-o como perdido/roubado e quando o encontra, meses depois, não avisa a instituição bancária e puf... fica sem ele quando é introduzido na máquina.


É particularmente demorado quando as máquinas em questão estão fora de agências, como por exemplo, nos supermercados, bombas de gasolinas, juntas de freguesia, cafés, etc... Nestes casos devem-se dirigir ao vosso banco e esperar semanas até que o cartão lá chegue.... se por acaso tiver lá informação do banco a que a máquina pertence podem sempre ir a um balcão mas desejo-vos boa sorte. O caso demorará ou não consoante a boa disposição  e vontade de trabalhar do funcionário que vos atender. :)) Uma dica: se for dia 25 (payday) a probabilidade de serem bem atendidos aumenta exponencialmente, se for dia de subsidio (férias ou Natal) então ainda sois capaz de receber um presente, sei lá, uma caneta, um porquinho mealheiro, uma agenda...

Seja como for é desagradável...mas não é o fim do mundo!
Pior mesmo é quando vocês fazem um levantamento e a máquina retira o guito da vossa conta mas não vos dá as notinhas, isso sim é bem mais chato. Mas tem solução claro. Um dia eu conto o que fazer.


quarta-feira, 13 de março de 2013

E o papel de parede eleito foi

Já saiu fumo da minha chaminé. Escolhemos o papel de parede para o quarto do Eduardo.
O eleito foi este:


Gostam? A mobilia é branca e a cortinas do quarto lisas azul bebé. Acho que vai ficar bonito.

Tabela semanas/meses

Momento didático

Isto de contar o tempo de gravidez em semanas e as pessoas perguntarem com quantos meses estou é um bocado confuso. Assim, algum génio teve a amabilidade de cria uma tabela de conversão de semanas de gravidez em meses e que eu reproduzo abaixo:

- de 1 a 4 semanas e meia = 1 mês de gravidez
- de 4 semanas e meia a 9 semanas = 2 meses de gravidez
- de 9 semanas a 13 semanas e 2 dias = 3 meses de gravidez
- de 13 semanas e dois dias a 17 semanas e 5 dias = 4 meses de gravidez
- de 17 semanas e 5 dias a 22 semanas e 1 dias = 5 meses de gravidez
- de 22 semanas e 1 dia a 26 semanas e 4 dias = 6 meses de gravidez
- de 26 semanas e 4 dias a 31 semanas = 7 meses de gravidez
- de 31 semanas a 35 semanas e meia = 8 meses de gravidez
- de 35 semanas e meia a 40 semanas = 9 meses gravidez

Assim sendo, já entrei no 6º mês!!!

terça-feira, 12 de março de 2013

Quem avisa amigo é

Entrar num estabelecimento mesmo em cima da hora de fechar é meio caminho andado para ser corrido, despachado e mal atendido.


Conclave dos segredos

Que numeros temos que marcar para expulsar os cardeais do conclave?

Aproveitar enquanto se é feliz

Ninguém gosta de ser passado para trás, trocado por outro e ver a relação terminar.
Mas o facto de namorarmos ou estarmos casados há 2, 5, 10 ou mais anos não nos dá garantias de nada nem nos torna donos do outro.
As pessoas mudam, os objectivos e ambições transformam-se, as prioridades alteram-se e nem sempre o outro acompanha ou se encaixa nos novos desafios. Nem sempre o fim de uma relação tem subjscente uma terceira pessoa, mas isso pode acontecer porque somos humanos.
É correcto dizermos que o outro errou porque acabou a relação? Essa pessoa não tem o direito a seguir a vida dela, a procurar a felicidade? Ou era preferivel andar a iludir a outra parte, criar falsas espectativas e viver a fazer os outros infelizes?


segunda-feira, 11 de março de 2013

Das viagens

Viajar para mim significa conhecer novos locais, novas culturas, descansar, às vezes regressar mais cansada, consoante o tipo de férias mas a viagem tem que me trazer, acima de tudo, conforto, prazer e comodidade. Por outras palavras, só viajo se tiver condições para tal de modo a que "não me falte nada".

Sou incapaz de me meter num carro e ir Europa fora com o dinheiro contado.

Não me passa pela cabeça que durante os dias da viagem me vou alimentar de sandes e água dentro de um automóvel. Para mim é indispensavel sentar num restaurante ou esplanada e saborear uma boa refeição e um bom vinho.

Não fico à porta das catedrais e museus só porque a entrada é paga. Para ficar à porta mais vale nem sequer lá ir.

Não equaciono estar uma semana em regime de meia pensão em que ao almoço tenho que comer sandes feitas com pão "roubado" ao pequeno almoço.

Resumindo: Não vou de férias para passar fome, dormir e comer sandes em carros! Mas há quem o faça porque o importante é chegar e colocar posts ou fotos no facebook das praças onde se esteve e poder dizer que se viaja muito... à fome mas viaja-se.
Eu prefiro dizer que não sei se tirarei férias para o ano, porque o bebé é pequeno, porque financeiramente as coisas mudam mas principalmente porque não me quero privar de coisas fundamentais como comida e conforto só para poder mostrar aos outros que "estou bem na vida e sou uma gaja muito viajada".


domingo, 10 de março de 2013

Em relação ao SMN

Ideal ideal era o funcionário trabalhar e pagar ao patrão no fim do mês, pelo favor de lhe ter arranjado emprego...assim os empresarios ficavam com tesouraria para poderem comprar outro mercedes, pagar o cartão de crédito da amante e o colégio privado dos filhos.

sábado, 9 de março de 2013

Em modo reclamação - uma pessoa gasta 500 eur e depois ainda é tratada assim

"Exmos Srs.,

No passado dia XX adquiri um XXXXXX na V. loja do XXXshopping.

Tenho a dizer que fui muito bem atendida, com simpatia e profissionalismo. Acordei com a vendedora que a entrega seria dia YY do corrente na minha residência. Como largo o serviço às 16.30h marquei para as 17hrs, ficando acordado que o distribuidor me contactaria cerca de uma hora antes.

No dia combinado mas perto das 14.10hrs liga-me o funcionário da distribuidora a pedir direcções mais especificas e a dizer que dentro de 5 minutos estava em minha casa. Ora eu estava a trabalhar, pelo que o informei disso e lembrei que a hora marcada era às 17hrs. O senhor ficou alterado e disse-me que quem marcava as horas das entregas era a empresa dele, que a V. Empresa não mandava nada e que se eu não estivesse em casa a encomenda ia para trás porque eles tinham mais entregas para fazer. Como, por acaso, a minha mãe ia à minha casa às 14.30hrs, eu disse ao senhor que sendo assim podia lá passar a essa hora, o que não faltava muito visto serem perto das 14.10hrs. O funcionário se estava exaltado mais exaltado ficou e disse que não podia esperar 20 minutos porque tinha que ir para outra localidade e sempre a barafustar exclamou que ia levar a mercadoria para trás e que eu podia reclamar à vontade porque quem mandava eram eles. Obviamente que a esta altura da conversa e com tanta falta de respeito e modos da parte do sujeito também eu já estava alterada. Resolvi deixar à consideração dele a entrega ou não da mercadoria. Entretanto liguei para a minha mãe que já estava em minha casa e então liguei ao funcionário a avisar que já havia gente no meu apartamento e se quisesse podia lá passar.

O sr. da transportadora teve dificuldades em encontrar a residência, pelo que chegou lá perto das 15hrs, mas em relação a isso nada a apontar. Quando chegou ao 2.º andar, que é onde eu moro, o sujeito começou a reclamar com a minha mãe que nem elevador o edifício tinha. Ora eu se soubesse que o senhor ia ficar tão ofendido por estar a fazer o trabalho dele e ainda por cima sem elevador, teria mandado instalar um de propósito para ele (ironia claro). Posto isto deixou a encomenda no meio do corredor das escadas, nem sequer o deixou dentro de minha casa! Ora como sabem a embalagem pesa 29.3 kgs, a minha mãe já tem uma certa idade, custava muito deixar a encomenda dentro de casa? E se fosse eu, grávida, a recepcionar a mesma como é que a meteria dentro de casa? Ia colocar em risco a vida do meu filho porque o sujeito não quis ter a amabilidade, já não digo obrigação (!) de deixar a encomenda DENTRO de casa? É pedir muito que o façam?

Resumindo: entendo que, apesar da V. empresa não estar directamente envolvida neste péssimo serviço prestado, deveria haver um maior rigor e critério de profissionalismo no que respeita à contratação de serviços externos à V. empresa e que, indirectamente, vos representa, sim porque eu comprei o produto a vós foi convosco que acordei a entrega da mercadoria.

Sem mais de momento,
Morango Azul"


A resposta a esta reclamação chegou por telefone e por mail. Pediram imensa desculpa e disponibilizaram-se para me ressarcir de algum dano que tivesse sido causado em virtude do sucedido.
Vá lá, menos mal!

Frases retiradas dos exames nacionais 2008/2009 do 12º ano* # 4

*A Terra é um dos planetas mais conhecidos e habitados do mundo.*

*Caudal de um rio, é quando um rio vai andando e deixa um bocadinho para trás!*

*Princípio de Arquimedes: qualquer corpo mergulhado na água, sai completamente molhado. *

sexta-feira, 8 de março de 2013

Sou uma gaja bem mandadinha

O homemsemblogue manda e eu cumpro.

Vou confeccionar um jantarzinho especial para o meu namorado e vou tratá-lo bem (mas só hoje para ele não se habituar... guardando esta noite como trunfo para mais tarde poder dizer que EU é que tratei dele no dia da MULHER, oh oh)

Woman -1  Men - 0



Canibalismo?

Últimas noticias: carne processada leva a morte precoce pelo que não devemos comer salsichas, fiambre, bacon, essas coisas... eu pergunto: mas afinal o que é que podemos comer sem estar em modo contaminado ou modo assassino silêncioso?
Ah e tal podemo-nos comer uns aos outros, pensam vocês... e fazem muito bem mas e eu? Sim, eu?! É que nem carne humana esta gaja e meia pode comer.
Acho que vou ligar para o programa da manhã "Dilema" e perguntar às cartas o que devo ingerir, oh mas também já não está lá a Maya e não tem a mesma piada...

Sendo assim já vão 2 agressões

Estava a ver as noticias matinais quando no canal 1 começam a entrevistar uma senhora representante da APAV. Diz ela que, e  infelizmente há muitas mulheres vitimas de violência psicológica, fisica e financeira... ora violência financeira eu nunca tinha ouvido falar, mas revi-me imediatamente.

A quem tenho que me dirigir para apresentar queixa contra o meu patrão por violência financeira?

Porque sou mulher

Normalmente deseja-se um feliz dia a todas as mulheres neste seu dia internacional.

Eu penso que a felicidade se deve estender por todo o ano, assim desejo a todas as mulheres uma feliz vida e que cada uma saiba reconhecer a felicidade nas pequenas coisas do dia a dia.

Filosofia de vida

A desgraça dos outros não me serve de consolo.

quinta-feira, 7 de março de 2013

Como o macaco gosta de bananas...

Serei a única que não pode ter uma fruteira sobre um balcão porque acontece isto?



Karma

Descobri através do facebook que muitos colegas de faculdade que então eram uns falhados agora estão na politica.

Na faculdade usavam as tunas para conseguirem época especial de exames, agora filiam-se em partidos políticos para arranjarem tachos.

Isto explica muita coisa...

quarta-feira, 6 de março de 2013

Eu não diria melhor

Mais vale cavalo no prato que burros no governo.

Vá contem-me tudo

Como é levantar da cama quase de madrugada para ir trabalhar, cumprir horários, aturar chefes rabugentos e colegas mandriões?
Ainda se apanha trânsito para chegar a casa no fim do dia, já de noite?
E a chuva? Atrapalha o dia-a-dia?

Que chatice...é que eu estou em casa, sem horários, no quentinho da caminha...há mais de uma semana... e a gravidez ainda vai a meio...

Trabalhem, trabalhem muito que eu preciso que alguém desconte para eu viver agora de subsidios, sim chegou a minha vez!

lol

Pronto insultem-me, eu mereço! 

terça-feira, 5 de março de 2013

Mc Delivery

Falha grave da mcdonalds: não terem entrega ao domicilio.

Afinal a crise não chega a todos

Há 3 portugueses na lista dos mais ricos do mundo.

Coitados já pensaram o que é ter que viver com fortuna estimada de mais de 3 biliões de USD? (sim eu ainda falo em biliões porque sou antiga...para mim isto de mil milhões é tudo muito moderno).

Mas como é que se alcança tamanha riqueza? Com muito trabalho claro! Trabalho árduo, dedicação, longos fins de semana de labuta, dias de férias sem gozar, quantas vezes trabalhar doente, com gripes e afins e quantas horas perdidas sem acompanhar o crescimento dos filhos, ah pois, não é facil. Mas um homem sozinho não alcança tamanha proeza, senão todos nós estavamos ricos, é preciso ter milhares de funcionários mal pagos a trabalharem para e por eles. Ah pois pode-se dizer que eles são empreendedores, têm visão, estratégia mas eu não conheço ninguém que tenha criado fortuna a trabalhar honestamente. São case studies nas universidades contudo só lhes reconheço parte do mérito. Outra parte esconde-se em jogadas politicas e financeiras que são encobertas nos lobbies.

No fundo esta fortuna é virtual. Representa somente o valor que arrecadariam, neste momento, se vendessem os seus activos. O mercado está instável...

Não desejo mal a ninguém mas gostaria de vê-los a sobreviver um ano com salários iguais aos que pagam aos seus colaboradores...aos cidadãos comuns que enchem as prateleiras dos seus negócios, que transportam os seus bens, aqueles que fazem caixa no supermercado (e não os seus assessores que comem da mesma gamela que eles).

Qual masterchef? Eu na cozinha sou imbativel

Fiz um bolo de canela com raspa de laranja cobertura de caramelo e ananás...hum...está ...no lixo!

Eu e a cozinha... bem na realidade é falta de prática porque se eu insistisse acabava por ficar no ponto. Acontece que desta vez o bolo ficou cru por dentro...mesmo depois de ter seguido as instruções de cozedura e feito o teste do palito...o bolo estava alto e o palito não chegou ao meio pelo que parecia estar tudo bem...mas não...acabou por sair bolo com recheio liquido... ai a minha vida... já sei que quando o namorado chegar me vai dar gozo... mas também vai dizer "prá próxima sai melhor".. ai ai

E mais!!!: ontem o jantar foi sushi...quer-se dizer era para ser filetes de peixe gato panado mas como um dos filetes era muito alto e eu não tive inteligência suficiente para deixar a fritar mais uns minutos que o restante... pronto...saiu filete de peixe gato cru. Ai sou um desastre...

Quando alguma coisa na cozinha corre mal às vezes diz-se ah e tal estava com o período calhou mal...mas eu como estou grávida não posso usar essa desculpa...

Estou desconsoladinha!

Estou a pensar propor à tvi um "big brother in kitchen"directamente da minha cozinha...Seria um sucesso de audiências... os portugueses até se esqueciam da crise e não precisavam de ir para o ginásio fazer abdominais... vou já registar a ideia!

Atendimento de luas

No outro dia liguei para o hospital da minha área de residência na tentativa de obter informações sobre o curso de puericultura e amamentação. Para surpresa minha disseram-me que só aceitavam inscrições para as parturientes que fossem ter a criança naquele hospital. Ora eu entendo que sou uma cidadã como as outras, desconto como ou mais que as outras e não tenho o poder de advinhação para saber onde vou parir, sim porque se eu estiver a 100kms de distância não terei a criança no hospital de residência de certeza! Faço intenções de ter o parto num hospital privado, e já estou a fazer um favor ao Estado visto não ter que suportar tal despesa comigo, mas há factores que não controlamos e podem surgir imprevistos...

Resolvi ir pessoalmente ao hospital de residência já com o discurso preparado e prontinha para pedir o livro de reclamações caso não me arranjassem vagas no dito curso. É que isto de descontar forte e feio e ser barrada porque trabalho e não vivo de subsidios já me estava a dar a volta à cabeça.
Chego lá, sou muito bem atendida, não perguntam sequer onde faço intenções de dar à luz, simplesmente recolhem os meus dados, o n.º de semanas de gravidez e marcam de imediato o inicio do curso, que será mais no fim deste mês. Mais: ainda disseram que se eu ficar com dúvidas e quiser repetir algum módulo do curso, mais tarde, posso fazê-lo. Ora sim senhora. Atendimento excelente.

Agora pergunto: Isto das informações varia de acordo com o bom humor/telha/lua do funcionário que nos atende? ?? Senhor dai-me paciência!

segunda-feira, 4 de março de 2013

Alguém troca comigo?

Foi instaurado o período de abstinência sexual por motivos de saúde.
Sim a médica mandou-me repousar...até a piriquita!
Vamos ver como corre, estando consciente que posso levar com um par de cornos a qualquer altura...Oh sim não me vou armar em inocente e achar que só acontece às outras... o melhor é nem pensar nisso... provavelmente vou andar ciumenta... MUITO ciumenta...coisa que até aqui (nesta relação) (...quase...) nunca fui.

Gostos não se discutem...

Qual Cauã Reymond qual quê...eu sou mais Thiago Lacerda.
Ai Ai...



Homens e Mulheres

Cá em casa somos 2 pessoas e meia (sim que o meu Eduardo também conta) e um gato.
Temos 2 casas de banho e cada um tem a sua. São ambas limpas no mesmo dia. Pasmo-me a olhar para o espelho quando entro na wc dele (normalmente para trocar as toalhas e repor o papel higiénico)... É preciso um cagaçal tão grande para lavar os dentes? O espelho está cheio de pasta, marcas de água e outras coisas que prefiro nem saber. Já a minha mantém-se limpa quase toda a semana.
Homens...

domingo, 3 de março de 2013

Que se lixe a troika

Como disse um velhote no Porto ontem de manhã:

a gamela é sempre a mesma só mudam os porcos e porco por porco deixa lá estar um coelho.

A verdade é que portugal pediu dinheiro emprestado e agora tem que o pagar, os politicos são todos iguais sejam de direita ou de esquerda e no fundo são todos amiguinhos porque hoje como eu, amanhã comes tu. Olha se eles reduzem o numero de deputados!?  Não gosto de politiquices por isso fico por aqui.

Coisas que não entendo

Porque é que os homens acham que têm a obrigação de sustentar a mãe e as irmãs durante toda a vida.

Sim, mesmo quando elas têm emprego, mais de 40 anos e vivem acima das suas possibilidades... eles continuam a achar que têm que lhes pagar as despesas, sim porque elas não têm onde cair mortas, porque estoitam tudo, mas continuam a frequentar o cabeleireiro e manicure todos os fins de semana, roupas de marca, sapatos fashion, portateis, telemoveis top, vão jantar fora, não cozinham vão ao take away e têm empregada de limpeza, depois de não trabalharem ao fim de semana...  E ainda têm a lata de pedir ajuda para pagar a renda de casa...

Nem sei que pense...mas pela primeira vez na vida tenho pena de não ter tido um irmão... agora não precisava de pensar duas vezes para comprar o tal portátil...mandava vir e ele pagava... se calhar estou é com inveja... ou então ando a contar tostões depois de ter namorado a sustentar a ex mulher, a mãe e a irmã. Isto de ser uma gaja orgulhosa, independente  e que não gosta de choradinhos não me está a trazer muitas vantagens não...

sábado, 2 de março de 2013

Portátil (?!)

Ando a pensar comprar um portátil, vai daí fui aos sites da worten, rádio popular e staples pesquisar. Nunca pensei estar TÃO desactualizada. Mas que raio são netbooks? notebooks e ultrabooks? E vêm ou não todos com wireless? Eu só sei que quero algo com espaço de armazenamento, rápido e ecrã grande.,, ah e quanto ao preço até 600 Eur. máximo, sim que a minha vida não é isto :P

Ah e também ao percebo os pc´s não trazem office? Então como uso o excell e word? E para que quero eu um pc sem office? :s

Algum conselho?

Coisas que não entendo

Porque são necessárias duas pessoas para ir ao supermercado?! Porque que tem o casal de ir ao supermercado junto? Ou vai um ou vai outro! É assim tão dificil? Ah mas assim ele carrega os sacos... e se formos às compras sozinhas e deixarmos os sacos na garagem e ele depois vai buscá-los? Não serve?
Eu sei que habituei mal o meu, reconheço, passou 4 anos e meio sem meter os pés no supermercado porque ia sempre eu,mas também não vejo vantagem em irmos os dois. Assim, desde o verão que ele vai buscar certas coisas, as mais pesadas, tipo areia para o gato, água e cerveja. Claro que se meter mais coisas na lista ele também traz... mas lá está, ou vai ele ou vou eu!

Agora lembrei-me que quando era casada eu realmente queria que ele fosse às compras comigo e ia, mas a razão era doentia (aliás como toda a minha relação) porque eu pensava "enquanto está comigo no supermercado não anda aí a vadiar"... pronto eu sei que é mau... mas quero acreditar que só a mim, maluca na altura, é que me passou esse tipo de pensamento pela cabeça! Escusado será dizer que nem no supermercado eu tinha sossego, mas pronto, eu assumo que o erro foi meu.


sexta-feira, 1 de março de 2013

Mas que mais irão inventar?

Quando eu pensava que já estava tudo inventado vejo isto:


The iPotty has been designed to help children learn to use the potty by keeping them enter...      A removable screen guard cover on the iPotty protects your iPad

Chama-se iPotty e é basicamente um penico com um suporte para iPad incorporado para a criança jogar, ver filmes, etc..
Nem sei que diga, nem sei que pense...mas é capaz de dar jeito a quem não tem paciência para aturar os filhos, metem-no no penico e ele fica para ali entretido, com a vantagem que nem fraldas gasta.

Proponho o gadget do futuro: um robot que substitua a mãe e o pai...assim não se aborrecem nem cansam de aturar o próprio filho, quero eu dizer, de educar, criar e cuidar do próprio filho... assim ficam disponiveis para ir jantar fora, ao cinema, conviver com amigos, ir prá nignt, enfim...também não têm que se cansar a educar a criança, ensinar-lhes a viver em sociedade, essas coisas que são uma chatice.... Vou ali patentear a ideia do imummydaddy e já volto.

Tarefas domésticas

Então a conversa foi assim:

- Eu e o gato chegamos à conclusão que tens 2 hipóteses, sim até te deixamos escolher:

    ou passas os sábados em casa a arrumar ou pagas para a empregada vir todas as semanas.

- O que tem que ser tem muita força! Quanto é que ela leva?

E é assim, uma gaja tem que se pôr fina senão cagam-nos na cabeça...e a medida peca por tardia, sim porque quando S. Exa. morava sozinho num T1 tinha empregada semanalmente. Depois veio morar para o meu T3 e puf... a empregada passou a ser outra...euzinha! Com a desculpa do repouso ela vem todas as semanas, depois vai ser a desculpa que a criança precisa de atenção e não vou perder tempo a tratar da casa... mas se ele quiser pode sempre agarrar-se ao aspirador, pano do pó e lixivias...

Mainada!