sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Hoje deu-me para isto

Enquanto dou o leite ao Eduardo espreito o que passa no programa da manhã da TVI (eu simpatizo com o Goucha confesso) e hoje estão a acompanhar o percurso de alguns dos jovens que participaram em programas musicais infantis. Na altura dos concursos eram crianças, agora são adolescentes e todos eles cantam, no programa de hoje, em directo, e eu choro que nem uma tolinha porque penso que aqueles miúdos têm pais. E os pais deles devem ter sentir um orgulho enorme daqueles filhos... e choro porque eu também tenho orgulho do meu filho quando ele engorda 600 grs em 15 dias, também me derreto quando ele sorri quando ouve a minha voz e fico mais descansada quando consegue fazer, sozinho, um cocozinho... e choro porque não sei o que seria da minha vida se lhe acontecesse alguma coisa... já não me imagino sem ele, é um amor sem explicação, uma coisa que transborda do coração e vai até à alma.

3 comentários:

Nadinha de Importante disse...

Esse orgulho é tipico dos pais.

uba disse...

Agora pensa que vai ser assim a vida toda. É mesmo o verdadeiro amor! :)
E somos umas privilegiadas por senti-lo! :)
Beijocas aos dois!

Lia disse...

Não devias escrever textos destes num dia em que tenho a sentimentalidade aqui à beirinha dujólhos :'$