domingo, 6 de outubro de 2013

Como tudo na vida...é uma questão de prioridades

A senhora minha mãe tem uns belos 61 anos.
Coitadinha da velhinha anda muito cansada e não está para ter trabalho com as 3 filhas, vai daí não as convida para ir lá a casa comer. Ora as 3 filhas da minha mãe, 2 delas com filhos, também não estão para receber povo em casa porque os miúdos já lhes dão trabalho que chegue. Aliás, o meu filho nem me deixa comer quanto mais cozinhar (o rapaz porta-se quase sempre bem o dia todo mas quando pouso a comida na mesa desata num berreiro que temos que comer com ele ao colo, o que é muito prático, diga-se de passagem)

Ora como a senhora minha mãe não quer as filhas lá em casa a dar trabalho é obvio que passa dias, semanas e meses sem ver algumas das filhas e pronto, como tudo que é velha queixa-se que está abandonada e que ninguém lhe liga, que morre de saudades dos netos, blá, blá, blá. O que a senhora minha mãe não conta é que está reformada, passa os dias a correr entre aulas de aeróbica, natação, aulas de zumba, espectáculos de zumba, passeios dos reformados, passeios dos avós etc e tal... e depois é claro...chega ao Domingo e está muito cansada para cozinhar para as filhas... eu concordo...até eu estaria cansada depois de tanto exercício físico...

2 comentários:

Nadinha de Importante disse...

Com uma vida social assim, como seria possível ter tempo para cozinhar para as filhas? É que a vida social, cansa!

nadinhadeimportante.blogspot.pt

uba disse...

Mas por que é que as pessoas são assim?! Chiça!