quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

As putas das noites

Então não é que desde que comecei a trabalhar o meu querido filho resolveu passar as noites a virar-se de 2 em 2 minutos. Uma coisa é ele estar doentinho e apesar de custar até se tolera, outra coisa é não haver explicação. Chega a um ponto em que não aguento de cansaço. Acho que vou começar a fecha-lo sozinho no quarto, é que quem inventou a maternidade esqueceu-se de actualizar o chip para "mãe passa a ser robot, não precisa dormir nem comer".
São 5 da manhã, só dormi 3 horas, o rapaz está acordado, já tomou o leite, e eu vou mas é pôr a roupa a secar e fazer o meu almoço.

3 comentários:

Anónimo disse...

Acredita, nunca mais vais conseguir dormir como antigamente pffff

não hão-de as mulheres andarem loucas, pudera, não nos deixam dormir!!!

jokas
LA

Uba disse...

É dose, mm! Sei bem o que estás a passar! Força, é a única coisa que posso dizer.

Bonitinha disse...

O meu tem três anos e ainda dorme muito mal...por isto morro de inveja quando me falam que desde os dois meses dormem a noite toda!
beijinhos