sábado, 5 de julho de 2014

Porque é que não me dediquei mais à matemática

Eu estou aqui a tentar calcular o ângulo exacto que me permite cair da janela de um segundo andar sem morrer nem ficar inválida, mas que seja suficientemente capaz de me proporcionar uns quantos ossos partidos, por forma a garantir um internamento de, vá, pelos menos 15 dias. Um mês era o ideal.

Trigonometria sempre foi um ponto fraco...quer-se dizer, desenrascava-me mas neste caso o erro pode sair caro. Até porque há algumas variantes. Ora vejamos, na frente do prédio tenho jardim, na traseira é cimento é capaz de ser melhor. Por outro lado aqui na lateral como tem a rampa da garagem sempre é mais um andar de queda, mas isso implica mais cálculos e o meu cérebro anda tão cansado... que chatice pá. Será que há por aí alguém bom em matemática?

5 comentários:

Same Old Guy disse...

O teu caso é mais estatístico!

O ideal é meteres mais tabaco na mistura. Em vez dos 50% que estás a usar, se puderes, sobe a percentagem de tabaco, para 75%.

S* disse...

A credo mulher!!

Timtim Tim disse...

Bem! Que sentido de humor. O que eu me ri!

Paulo Nunes disse...

Eu sou um gajo bom!! nao tenhas duvidas!! espera... bom na matematica.. não vá tu pensares outras coisas que não correspondem à realidade!
Dou-te umas dicas... atira-te de qualquer janela... mas leva umas almofadas bem grandes à volta do teu corpo todo. amortece.. e ficas só com umas costelas partidas. Se não partir nada....tira mais o enchimento e tenta de novo. Pára quando já tiveres satisfeita.
bjs :)

Uba disse...

Tás passada?! lol