sexta-feira, 24 de abril de 2015

Ponto da situação

Após consultados 4 neurocirurgiões:

 - o 1.º disse que não operava. Que não era a “especialidade dele”, que nunca tinha feito nenhuma cirurgia à medula ancorada com lipoma envolto em raízes e que o ideal era consultar um neurocirurgião pediátrico.

- os 3 restantes foram unanimes: opera-se! Liberta-se a medula e retira-se parcialmente o lipoma.

Destes 4 neurocirurgiões tenho a destacar o Dr. Maia Miguel. Para além das referências técnicas 
serem excelentes demonstrou ser uma pessoa excepcional, de elevado bom senso e bastante atencioso. Basta dizer que se dirigiu á clinica de Todos-os-Santos propositadamente para me consultar, porque em termos de agenda era conveniente para mim uma vez que ia do Norte a Lisboa consultar dois médicos no mesmo dia. Apesar de referir que tecnicamente a cirurgia não era complicada, mas por ser comum efetuá-la ainda na infância, enviou-me para o Dr. Luís Távora neurocirurgião pediátrico.


O Dr. Luís Távora vem dar consulta ao Porto duas vezes por mês e em princípio a cirurgia será em Outubro na CUF DESCOBERTAS – Lisboa.

3 comentários:

Anónimo disse...

Lol ninguém quer saber

Feijoca Magazine disse...

Olá, Morango!
"Medula ancorada"? Que expressão engraçada! Dava um poema! :-)
Bem, esperemos que a operação corra bem e te traga alívio. Pelo menos, pareces estar bem encaminhada!

Anónimo disse...

Por favor volta a fazer um post tenho grande admiração por ti e gosto de ir acompanhando. Abraço e boa sorte