terça-feira, 29 de março de 2016

Anda tudo tolo ou eu é que não tenho paciência para estas irresponsabilidades?

Vi 5 minutos de telejornal ontem à noite.

Foi noticia a operação de resgate/salvamento de um grupo de jovens, com idades compreendidas entre os 19 e 25 anos, que decidiu acampar beira rio em pleno alerta amarelo. Eu não sei o que é pior:

- Se a irresponsabilidade daquelas pessoas que já têm idade para ter juízo e conseguir avaliar os riscos inerentes;

- Se o facto daqueles jovens não terem familiares sensatos que os aconselhassem a não acampar debaixo de chuva torrencial devidamente prevista;

- Se os gastos públicos usados na operação de resgate, que todos vamos pagar;

Obs: Era o quarto ano consecutivo que acampavam naquele sitio.


Já não é a primeira vez que ouço noticias destas. De malta que vai para os trails e mais-não-sei-o-quê subir montes e escalar rochas debaixo de verdadeiras intempéries devidamente previstas. Oh pá, se a malta quer ser radical que esteja à vontade, mas depois quando se virem aflitos que se amanhem, que aguentem, que não ponham a vida de outros em perigo para os ir salvar, simplesmente porque lhe apeteceu ser irresponsáveis.

Comigo era apresentar-lhes uma multa por irresponsabilidade e uso indevido de meios de salvamento público que poderiam estar a fazer falta a pessoas necessitadas por acidente não previsível.

Tenho dito!

quinta-feira, 24 de março de 2016

Mudanças alimentares

Consumo de carne vermelha reduzida para uma vez por semana.

Aumento da ingestão de peixe, atum, polvo e ovos.

Sopa de segunda a sábado.

Doces só ao fim de semana.

Café sem açucar,

Introdução de cereais: bagas boji, sementes de linhaça e chia.

3 peças de fruta/dia.

Porquê? Porque não?